segunda-feira, dezembro 18, 2006

Sê paciente; espera
que a palavra amadureça
e se desprenda como um fruto
ao passar o vento que a mereça.
Eugénio de Andrade

Foto: Yuri Bonder

1 Comments:

Blogger Dead Poet said...

O vento não leva frutos...quem os leva são os homens que estendem a mão e os arrancam puxando-os para si...porque os querem...

9:51 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home